testo


"Que nunca te falte amor... mas, se faltar, sabes onde me encontrar."

Bem Vindos

Bem Vindos ao Portal de Luz

quarta-feira, 6 de julho de 2016

AS ONDAS DE ENERGIAS ELETROMAGNÉTICAS DO DESPERTAR E DE ATIVAÇÃO DO NOSSO DNA (Informações Recebidas dos Pleiadianos)



AS ONDAS DE ENERGIAS ELETROMAGNÉTICAS DO DESPERTAR E DE ATIVAÇÃO DO NOSSO DNA 
(Informações Recebidas dos Pleiadianos)  
por Ibiatan Upadian 

 Repassamos abaixo as informações que nos foram passadas pelos Irmãos Pleiadianos Interdimensionais sobre o nosso despertar e ativação do DNA, juntamente com nossas experiências pessoais no processo, que estão sendo conduzidas pelos irmãos pleiadianos interdimensionais de luz Eridan, Matidi, Elua e outros (todos seres constituídos de pura luz e energia do sistema de Aracelis, das Plêiades). Segundo os irmãos pleiadianos muitas são as famílias estelares envolvidas neste processo de transição do planeta Terra, assim como muitas são as origens estelares das sementes estelares que aqui estão neste momento em missão no planeta. Temos aqui como sementes estelares, seres de luz das mais variadas procedências e das mais diversas famílias estelares e outros que embora não sejam da luz também estão aqui em processo de evolução. Segundo eles cada família estelar esta encarregada de uma etapa do processo. Assim até a pouco tempo tínhamos os irmãos arcturianos trabalhando a nossa saúde e preparando a nossa estrutura física para que pudéssemos estar em condições de agora ancorarmos estas energias que vem promover o despertar de nossas consciências, etapa esta que está sob a responsabilidade da família pleiadiana (não confundir com os nibiruanos, que se dizem pleiadianos e nem das Plêiades são): 

1 - Conforme já havíamos lhes informado antes, a primeira grande onda de energia para o despertar de nossa consciência (do Ibiatan e outros seres do planeta, que fazem parte do seu grupo de despertar) e ativação do nosso DNA nos chegou com os primeiros raios de sol, ou seja, às 6:30 hs da manhã do dia 11/03/2011, a segunda grande onda em 01/04/2011, a terceira em 15/04/2011, a quarta em 21/04/2011, a quinta em 27/04/2011 e a sexta em 03/05/2011; 


2 - As energias que já estão a promover a ativação do nosso DNA são energias do tipo eletromagnéticas que tem como origem o nosso grande Criador Primordial e nos chegam através do nosso sol que as retransmite para todos os seres do planeta. SINTOMAS: somos acordados de manhã por uma reconfortante sensação de paz, alegria, amor incondicional, força, vitalidade, poder, coragem e grande clareza mental (é uma sensação maravilhosa de verdadeiro estado de êxtase); 

3 - Essa energia vem através de ondas que duram alguns dias, cada onda chega mais intensa com os primeiros raios de sol do primeiro dia e depois sua intensidade vai diminuindo nos dias seguintes até extinguir-se após alguns dias de sua chegada. (as primeiras ondas duraram em torno de tres dias, já as últimas ondas perduraram por quase cinco dias); 

4 - Há um intervalo entre uma onda e outra, intervalo este que vai diminuindo a cada onda que chega (nas primeiras ondas o intervalo foi de 14 dias e depois diminuiu para 7 dias e continua diminuindo a cada onda que chega); 

5 - Cada onda que chega vem mais intensa que a anterior, permanece mais tempo que anterior e tem um intervalo cada vez menor entre elas, até que vai chegar um ponto que as ondas vão se unir uma após a outra, não havendo mais intervalos entre elas; 

6 - As ondas vão atingir a todos indistintamente, mas somente as pessoas de um determinado grupo que está codificado para receber as energias daquelas ondas, conseguirão captá-las e dentre as pessoas deste grupo, aqueles que estiverem mais conscientes e mais receptivos as absorverão mais intensamente e por isso sentirão mais intensamente os seus efeitos e despertarão mais rapidamente que os demais do grupo; 

7 – Depois que um grupo estiver bem adiantado e que as várias ondas forem substituídas por uma única onda contínua, novas ondas começarão a chegar com outra codificação para ativar outro grupo de pessoas e assim ocorrera com um grupo após outro; 

8 – As energias das primeiras ondas vão promover a nossa limpeza, física, emocional e mental, trazendo a tona todas as nossas recordações, mágoas, traumas, emoções reprimidas ou bloqueadas, etc. Estas energias vão promover uma faxina em nosso subconsciente e nos forçar a passar a limpo nossas vidas, revivendo tudo aquilo que ficou mal resolvido ou que não foi devidamente processado ao longo de nossa vida atual e até de vidas passadas. O objetivo é ajudar a nos conhecermos e nos dar o perfeito entendimento e a compreensão destes eventos para que eles possam ser aceitos e assimilados naturalmente, sem qualquer tipo de julgamento de nossa parte. SINTOMAS: um turbilhão de emoções, na maioria das vezes emoções associadas a imagens ou fatos de diversas épocas de nossa vida se manifestam ao mesmo tempo, muitos fatos e situações e muitas emoções boas e ruins dos quais já nem nos lembrávamos mais; 

9 – São também energias altamente restauradoras promovendo a aceleração e alinhamento dos chakras físicos, o equilíbrio energético e conseqüentemente a restauração e cura física e mental. Também terão a importante função de preparar o nosso sistema nervoso para que o mesmo tenha condições de absorver as ondas mais intensas que vem depois; 

10 – Na medida em que estas energias vão ativando os filamentos de DNA e formando as novas fitas ou hélices, vai promovendo a aceleração de nossos chakras físicos e a ativação dos chakras extra-físicos e na medida em que estas mudanças ocorrem em nossos chakras os nossos sentidos extra-físicos (vidência, intuição, telepatia, clarividência, clariaudição, clariolfato, clarisenciência, cognição, premonição, projeção astral, multidimensionalidade, etc.) começam a despertar e nos libertar da limitação dos sentidos físicos e nos possibilitar a percepção das dimensões e realidades paralelas. SINTOMAS: nos momentos em que, durante a meditação, se atinge o máximo de receptividade e de comunhão com o grande Criador Primordial é possível sentir uma suave pressão sobre os ossos, principalmente da coluna e das juntas de pernas e braços acompanhada de uma dorzinha contínua, muito pequena e quase imperceptível alem de uma sensação de eletricidade correndo pela coluna e uma pequena pinicação na língua; 

11 – Na proporção em que as nossas capacidades extra sensoriais ou psíquicas começam a se manifestar a nossa conexão com o nosso Eu Superior começa a se efetivar e a nossa percepção da verdade de todas as coisas começa a ocorrer de maneira muito rápida e até assustadora e na medida que isto ocorre as funções da nossa mente física, racional e linear começam a ser substituídas gradativamente pela nossa mente espiritual e emocional, mudando também a forma de processar este conhecimento (ou raciocínio, se é que nesta situação podemos assim chamar). SINTOMAS: sente-se inicialmente uma pequena, mas crescente dificuldade de se operar com a mente racional ao processar operações típicas da mente racional, como cálculos, leituras, etc., como se houvesse um certo bloqueio, acompanhado de uma sonolência (o irmão pleiadiano Eridan até brincou conosco dizendo que nestas situações se observássemos bem a data de validade de nossa mente racional de 3ª Dimensão, iríamos perceber que ela já esta vencida); 

12 – Ao nos tornarmos receptivos a estas energias iremos perceber que ela vai rapidamente começar a desativar os gens do medo (que os nossos deuses criadores incluíram em nosso DNA por ocasião da manipulação do mesmo) e em conseqüência disto vamos sentir uma crescente sensação de coragem, de poder, de liberdade, de independência e de auto-suficiência em relação a tudo. Ao mesmo tempo vamos sentir aflorar uma crescente capacidade de perceber a verdade em todas as coisas, o que vai nos possibilitar uma perfeita percepção de todas as articulações e tentativas de controle e manipulação de nós pelas elites, pelos nossos governantes, pela mídia, pelas pessoas que nos rodeiam e até por entidades enganadoras que querem se fazer passar por entidades da luz; 

13 – Conforme vamos recebendo estas energias sentimos uma crescente necessidade de ficar sozinhos, em silencio e em meditação, principalmente em contato com a natureza; 

14 – Vamos começar a sentir um desapego cada vez maior das pessoas (desapego não quer dizer desligar-se ou deixar de amar alguém) e das coisas materiais e uma crescente despreocupação em relação às nossas necessidades físicas e materiais. Haverá um gradativo desinteresse pelas coisas fúteis e supérfluas e uma crescente sensação de confiança em nós e na espiritualidade e a certeza de que as coisas materiais básicas de que necessitamos virão sempre a nós na hora e na medida certa, sem a necessidade de nos preocuparmos com isto (desde que façamos a nossa parte, é claro, sem ficarmos de braços cruzados); 

15 – Vamos cada vez mais sentir as vibrações das pessoas e perceber quem é da luz e quem não é, mesmo a distância; 

16 – Teremos as mais diversas experiências resultantes das manifestações de nossos sentidos extra-físicos. Como alguns exemplos podemos citar o de conseguir saber antes de atendermos o telefone quem esta nos ligando; o de regularmente e naturalmente colocarmos a chave na fechadura de pronto na primeira tentativa sem nem ao menos olhar para a mesma; o de conseguir captar o pensamento das pessoas próximas ou distantes; de sair do corpo e ir a outro lugar e voltar em um segundo enquanto estamos conversando com outra pessoa, etc. 

17 – Contudo, de todas as experiências a percepção de diferentes realidades e dimensões que começam a se manifestar na forma de fleches, cada vez mais freqüentes e mais duradouros, é a experiência mais maluca que se pode imaginar e de mais difícil compreensão e aceitação, principalmente quando somos conduzidos pelos irmãos pleiadianos a conhecer outros “eus” ou diferentes identidades nossas que coexistem ao mesmo tempo em diferentes dimensões ou realidades paralelas. Isto realmente dá um nó em nossa cabeça e se não fosse a assistência que temos de nossos mentores e dos irmãos pleiadianos iríamos começar a duvidar de nossa própria sanidade. 

 ALGUMAS DICAS COM BASE NA NOSSA EXPERIÊNCIA PESSOAL: 

 1 – O mais importante neste momento em que as ondas de energia do despertar de nossa consciência chega até nós é estarmos o mais receptivos possível para desta forma colaborarmos e agilizarmos o processo. Assim é importantíssimo que aumentemos a pratica da meditação, que deverá ser feita a qualquer hora que tenhamos oportunidade para tal, contudo o melhor horário é entre as 06:30 e 09:30 hs, principalmente nos dias que percebermos a chegada de uma nova onda energética; 

2 – Não devemos perder nenhuma oportunidade, assim há momentos em que a prática da meditação não é possível, como os momentos em que estamos no transporte para o trabalho, mas que é possível estabelecermos uma conexão mental e uma comunhão com o Criador e nos colocarmos receptivos a estas energias; 

3 – A meditação deve ter como base sempre uma total entrega e comunhão com o grande Criador Primordial e por isso sempre que possível deve ser precedida de uma oração do tipo da Oração de São Francisco; 

4 – A oxigenação é fundamental para que estas energias possam mais facilmente ativar e organizar os filamentos de nosso DNA, assim é importante que ao iniciarmos as meditações e em todos os momentos que seja possível que façamos exercícios de respiração visando aumentar a oxigenação de nosso sangue. O método sugerido pelos irmãos pleiadianos é o de respirarmos lentamente, pausadamente e profundamente (como num suspiro) de uma maneira natural e relaxada. A prática em locais naturalmente oxigenados pela natureza, locais com muitas árvores, córregos e principalmente cachoeiras, como parques, bosques ou matas naturais seriam os locais ideais e ajudaria muito. A oxigenação é importante para que possamos aumentar a absorção dos fótons que são recebidos pelos pulmões na respiração e conduzidos para as nossas células e glândulas pelas moléculas de oxigênio através da corrente sanguínea; 

5 – Da mesma forma é importante que neste período tomemos bastante água natural e água de côco e que comamos regularmente melancia, segundo os pleiadianos, “muito importante pelas elevadas propriedades eletrolíticas que essa fruta contém”, tudo isto muito importante para aumentar a capacidade de nosso sistema nervoso de melhor conduzir as energias eletromagnéticas recebidas pelos chakras para cada uma de nossas células e glândulas; 

6 – A rotineira colocação dos pés na terra ou grama durante este período é também muito importante (a areia também ajuda, mas a terra é mais eficaz para isto) principalmente nos momentos em que estivermos em meditação ou apenas receptivos, pois ajuda a ancorarmos no planeta estas energias de luz ao mesmo tempo que permite mantermos o sistema nervoso mais descarregado das energias sujas ou eletrostáticas que absorvemos dos aparelhos eletroeletrônicos. Estas energias eletrostáticas bloqueiam a passagem das energias eletomagnéticas recebidas do sol pelos chakras e a sua atuação em nosso corpo, nos levando normalmente ao stress e doenças originadas por desequilíbrios nervosos (se pudermos meditar deitados na terra ou na grama, melhor ainda, a diferença será bastante perceptível); 

7 – Outra recomendação dos irmãos pleiadianos é que nas meditações em que fizermos deitados que sempre que possível usemos os cristais sobre os chakras. Os cristais devem ser de preferência brancos e não totalmente transparentes como o vidro, devem ter uma ponta natural (lapidada não é eficaz) composta de seis faces e devem ter o tamanho da ponta à base de aproximadamente 10 cm. Devem estar devidamente limpos, descarregados e programados e devem ser usados de preferência em contato direto com a pele, com a ponta sobre o chakra, mas sempre voltada para a nossa cabeça. O ideal é termos 6 ou 7 cristais para isto, mas para quem tem apenas um deve usá-lo sobre o chakra do plexo solar para trabalhar na liberação das emoções reprimidas, se tiver dois um sobre o plexo e outro sobre o cardíaco e se tiver três coloque o terceiro sobre o terceiro olho na testa (entre outras finalidades os cristais vão ajudar no equilíbrio dos chakras e no descarrego e limpeza de nosso sistema nervoso e assim facilitar a recepção destas energias); 

8 – A utilização de Florais de Bach também ajuda muito na liberação do medo e das emoções reprimidas ou bloqueadas e é muito importante no processo de limpeza neste momento; 

9 – Banhos de ervas também ajudam na limpeza e equilíbrio energético, facilitando também a recepção destas energias (uma delas a rosinha branca); 

10 – A despreocupação e o desapego de tudo (e de todos) é fundamental neste momento, devemos estar focados em nosso despertar, em nossa evolução e em nossa missão espiritual, todo o restante vem naturalmente, cada coisa ao seu tempo, inclusive as materiais. É só confiar, exercitem isto, façam a experiência. 

11 - Fazer caminhadas e exercícios físicos periódicos para que nosso corpo possa liberar com mais facilidades os filamentos luminosos contidos nos nossos ossos para a organização das novas fitas de DNA; 

12 - Sermos mais seletivos em nossa alimentação, eliminando carnes, leite e derivados de leite e outros alimentos de baixa frequência vibratória, substituindo-os por alimentos naturais, orgânicos que normalmente tem maior frequência vibratória para que possamos assim purificar o nosso corpo físico e corpos sutis; 

13 - Fazermos meditação diária, se possível 30 a 40 minutos ao acordarmos e antes de dormirmos (de preferência com os cristais), utilizando a técnica pleiadiana de meditação através de nossa fusão com o Criador Primordial através do amor incondicional (focando sempre no amor); 

14 – Finalmente, para encerrar queremos recomendar que independente de qual seja a vossa origem estelar, que busquem sempre a ajuda e assistência dos irmãos pleiadianos interdimensionais que são os seres da luz encarregados desta etapa de nossa evolução e que estão sempre prontos a nos ajudar. Chamem por eles sempre que precisarem e suas presenças de luz serão sempre sentidas dentro de uma vibração de intensa alegria e amor incondicional. 

 Ibiatan Upadian

http://ensinamentos-das-pleiades.blogspot.com.br/


Nenhum comentário:

Postar um comentário