testo


"Que nunca te falte amor... mas, se faltar, sabes onde me encontrar."

Bem Vindos

Bem Vindos ao Portal de Luz

23 maio 2016

A Fonte de Todo Bem

Resultado de imagem para Fonte

A Fonte de Todo Bem 

 Há uma conexão intrínseca entre todas as coisas nesse mundo em que vivemos. Sob uma visão mais elevada podemos perceber que tudo não passa de variações de uma mesma Fonte. 
A religião chama a isso de Deus, Prana, Senhor, Divina Providência. A sabedora secular caracteriza-a como inteligência Infinita, Mente Cósmica ou simplesmente Energia Universal. Respeitando o consenso geral utilizarei o termo “Deus” para analisar alguns aspectos do “Todo” neste artigo. Em primeiro lugar, gostaria de frisar que toda e qualquer atribuição dada a Deus estará sempre limitada à nossa pequena compreensão. Vale lembrar ainda que toda vez que damos um nome, forma, rosto ou tamanho a Ele, deturpamos a sua verdadeira natureza. 
Deus é muito mais que qualquer conceito ou dimensionamento humano. Estaríamos blasfemando ao tratá-lo como um ser masculinizado já que os dois gêneros estão embutidos em todos os aspectos da criação. Erraríamos se disséssemos que Ele é o
Universo porque a Física Quântica já sabe que a antimátéria também faz parte da grandeza divina. 
Seria um erro supor que Ele seja tudo o que há porque ainda existe o vazio, o nada. O certo seria nem tentar categorizá-lo. Mas, como necessitamos de uma explicação para tudo, façamos da melhor forma possível. Pensemos em Deus como sendo algo muito… muito maior do que aquilo que nos fizeram acreditar, com finalidades nem sempre louváveis. Por favor! Esqueça de vez a ideia de que Deus julga, pune e castiga. Apague da memória a famigerada imagem de um ser seletivo, cruel e tirânico assentado em um enorme trono de ouro no alto do céu, observando com parcialidade quaisquer deslizes decorrentes da nossa fraqueza humana. Pense sob um ângulo elevado. 
Vislumbre Deus com sendo a Fonte de todas as coisas boas e positivas, apto a doar o melhor de si para quem estiver disposto a receber. Pense comigo: por que o Criador de todas as coisas, em sua Suprema Sabedoria, teria prazer em semear o sofrimento entre os elementos de sua própria criação. Tristeza, miséria, angústia, doença, e dor são coisas que não tem nada a ver com a verdadeira natureza da Divindade. Tudo isso decorre do distanciamento, proposital ou não, da Fonte de todo o bem. 
 Abra os olhos da sua visão interior e vislumbre toda plenitude oriunda do Centro Criador. Saúde, amor, prazer, serenidade, paz, alegria, felicidade, abundância e tudo o mais que possa existir de bom e positivo; isso é Deus. Por analogia podemos fazer uma simples comparação entre o que é e o que não é de Deus. Ora, o bom é de Deus e mal não o é. 
Mas, essa análise simplória nos coloca em um novo paradoxo: o que é bom para um é ruim para outro. Então; mais uma vez nos deparamos com os questionamentos intermináveis a respeito da Divindade. Pois bem; antes que voltemos à estaca zero, lembremos de que não estamos aqui para decifrar os aspectos do Divino. Viemos a esse mundo com um único objetivo: viver. O resto são dúvidas, angústias, medo e incerteza. 
Essa breve análise acerca da natureza divina serve apenas para ampliar a mente e a percepção facultando o acesso cada vez mais bem sucedido aos diversos aspectos da divindade em nossa vida. Há uma máxima hermética que preconiza o seguinte: “Todas as coisas são puras para os puros”. O certo e o errado, o bem e o mal são meros conceitos abstratos que encontram peso e medida apenas segundo a consciência de cada um. Viva a vida de forma intensa, respeitando de forma quase honorável a todas as coisas. 
O sábio transforma todas as ações de sua vida, desde as mais ordinárias, num ato de louvor e devoção à Fonte. Nas relações interpessoasis, sabe que não há nada mais sagrado que o respeito às diferenças e à liberdade individual. Você quer ter uma vida abençoada e cheia de paz? 
Então, não faça aos outros o que não quer que vos façam e deixe que cada um siga seu caminho na paz. Seja sábio: viva e deixe viver. Não sufoque, não critique e não se compare a ninguém. Busque e obtenha o melhor da vida mediante uma mudança de conduta que eleve a sua Energia. Afinal de contas, como já foi dito no início deste artigo; tudo não passa de emanações energéticas. A plenitude oriunda da divindade flui à nossa volta sem cessar. 
Mas, diante da Lei inexorável da Causa e Efeito, Deus não pode dar nada que não faça parte do nosso campo de vibração. 
Simplificando tudo: para receber o melhor da vida precisamos apenas nos tornar pessoas melhores. A nossa consciência é como um vaso sagrado e hermético que capta do mundo apenas o que cabe em seu interior. No entanto, não somos elementos acabados e com molde pré-definido. Pelo contrário, estamos em constante processo de aprendizagem, crescimento e evolução. 
 Faça a sua frequência de vibração subir e você será transformado, de dentro para fora, de maneira excepcional. Confie em si mesmo e acredite na fidelidade da Providência Divina que não pune, não julga e não castiga, apenas retribui. 
Espere sempre pelo melhor, faça sempre o que seja honesto, justo e correto aos olhos da Fonte que tudo vê e você receberá uma retribuição absolutamente justa e fiel.

 http://www.academiadoaprendiz.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário